Homem de Ferro 3 – Spoilers

Homem-de-Ferro-3-poster-620x620

Bem, ontem eu fiz uma resenha simples do filme Homem de Ferro 3, e hoje vou debulhar o desgramado.

Lembrando que tem spoilers, então se não quiser saber detalhes da trama que entregam o final do filme, pare por aqui mesmo.

Pois bem. Resumidamente:

Tony Stark (o Homem de Ferro) agora tá meio com trauma depois de passar pelo portal no filme Vingadores. Tem ataques de ansiedade e não consegue dormir. O que ele faz? Cria armaduras. Pelo que eu me lembre ele criou umas 47 (lembrando que acho que no Homem-de Ferro 2 ele tinha criado umas 4 só). Seu relacionamento com Pepper (agora presidente das empresas Stark ) anda meio abalado principalmente por que ele não se abre com ela. Ah, e até armadura “telecomandada” ele tem. Tipo, tá no laboratório e a armadura tá conversando e articulando com a namorada. Ok.

Enquanto isso um tal mandarim anda atacando os EUA com vídeos e bombas (demonstradas como “não rastreáveis” por não acharem peças delas). O Mandarim explode uma bomba em frente ao teatro Chinês em Hollywood, California, ferindo Happy (ex segurança do Tony Stark, atual chefe da segurança das empresas Stark).

Tony manda um “Você está morto pra mim, só falta acabar com você. Venha me pegar em casa, esse é meu endereço” no que o Mandarim vai e detona o lugar (com helicópteros com mísseis disfarçados). Tony salva Pepper e uma amiga dele (Maya) que estava na casa, e desaba com a estrutura da casa no mar, sendo salvo graças a armadura que pode se montar com as peças voando (ele salva Pepper, fazendo a armadura voar pra ela, depois que a namorada está segura, a armadura volta pra ele).

Só que todo mundo pensa que Tony Morreu (ele sai discretamente do mar). Desmaiado dentro da roupa, a armadura voa automaticamente em direção ao lugar onde Tony investigava detonações semelhantes as bombas do Mandarim, antes de ser atacado.

Pepper vai pra um hotel com a amiga de Tony que fala que pode estar trabalhando pro Mandarim “sem querer”. Mais tarde o chefe da garota (Killian, um velho conhecido de Tony e Pepper que era manco e agora parece o cara do filme Amnésia) vem atrás de Maya e vemos que a garota queria usar Pepper para fazer Tony arrumar a fórmula Extremis (invenção de Maya) que estava incompleta.

Tony vai pro Alabama e a armadura dá pau. Ele invade uma casa, faz amizade com um moleque e partem pra investigar sobre uma explosão. Investigando, Tony supõe que a explosão não foi causada por bombas, mas por algo que altera o ser humano e o faz explodir. Algo que a invenção de Maya (por defeito) fazia.

Por pura sorte, quando Tony conversa com a mãe do defunto que todo mundo pensava ser um terrorista (mas que foi na verdade a bomba) chega um povo forte pra caraio que loucamente brilha e parece que não se machuca. È a fórmula Extremis, que quando aceita pelo corpo, faz eles ficarem tipo o Wolverine (regeneram de danos que matariam humanos, tipo, pegar fogo ou ter o braço arrancado). Junto com esse povo está o ajudante de Killian, que também estava no local onde o segurança de Tony é atingido pela “bomba” (sim, a platéia já sabe que o Killian é vilão, mas eu te enrolei até agora).

Na cagada (e por pelo menos 60% de ajuda do moleque) Tony acaba com os inimigos e consegue o carro do ajudante do vilão, enquanto sua Armadura vai sendo carregada na casa do moleque.

Tony resolve invadir o local de onde saem as gravações do Mandarim, o cérebro atrás de todo o rolo bombas/extermis (na Flórida). Graças a idéia do moleque, ele cria altas geringonças na base do improviso, como bolas de natal granadas, luvas com metal que dão choque e o kct, tipo o moleque de “Esqueceram de Mim” só que gênio. Numa sequência BEM James Bond (e legal) Tony invade a casa só pra descobrir que a pessoa “Mandarim” que manda recados pela TV é na verdade um ator (mutcholoco, interpretado lindamente pelo Ben Kingsley) . Tony é capturado e o vilão verdadeiro é revelado: Killian prefere ser o lider do mundo no Anonimato, ele é “o Mandarim”. Killian mata Maya e mostra pra Tony que injetou a fórmula Extremis na namorada de Stark. Agora a “única salvação” pra Pepper é Tony arrumar a fórmula (pelo que entendi quem fica Extremis vira bomba a longo prazo, vareia de pessoa a pessoa). Killian vai por em prática o plano maligno do mau (levando Pepper) e deixa Tony preso.

Nisso, o Presidente americano tinha mandado James Rhodes (amigo de Tony e ex Máquina de Combate) com uma nova armadura – arrumada pela IMA, empresa “legítima” de Killian, apelidada de Patriota de Ferro – atrás do Mandarim. Numa emboscada ele tinha sido preso pelo Killian e depois de uma torturazinha tinha “saído” da armadura (e descobrimos que Killian parece ser o mais foda dos Extremis).

Ok, a armadura que Tony deixou na casa do moleque (no Alabama) termina de carregar e voa até Tony, ele e Rhodes escapam e descobrem que o plano de Killian envolve atacar o avião do Presidente dos EUA (o capanga de Killian entra no avião disfarçado de Patriota de Ferro). Os mocinhos avisam o vice presidente e vemos que o vice está em conluio com o vilão.

O capanga de Killian detona o avião do presidente, jogando várias pessoas pra fora (mas sem sinal do presidente) e quando vai fugir, chega o Homem de Ferro e eles se enfrentam. Pelo que parece, Tony dá cabo no capanga dando um bruta raio no corpo do cara (mas não temos certeza, pois esse cara se fode o filme inteiro e volta toda hora). O Homem de Ferro salva os 14 passageiros que foram jogados do avião presidencial e depois bate num caminhão, onde descobrimos que Tony usava a armadura via telepresença.

Rhodes e Tony invadem o barco onde Killian está prendendo Pepper, no cais onde dependuraram antes de tacar fogo no Presidente (que ainda esta vivo na armadura do Patriota de Ferro). Eles são descobertos pelas tropas de soldados Extremis de Killian, mas chegam todas as Armaduras que Tony Stark fez para ajudar o mocinhos. Num bruta quebra-pau, Rhodes salva o Presidente (e o leva para um lugar seguro, com a armadura dele), Tony apanha de Killian (mesmo usando várias armaduras) e Pepper é ferida e fica dependurada em um troço móvel de ferro.

Tony abandona a luta com Killian e tenta salvar Pepper, por vezes pulando pra cair em armaduras (e falhando). Nos instantes finais, Pepper cai e Tony não consegue salvá-la. É hora da luta final Tony x Killian, o verdadeiro Mandariam. Porrada come solta, várias armaduras são danificadas até chegar a Teleguiada (que ele usou por boa parte do filme). Em vez de tentar usar a armadura em si, tony manda a armadura pra Killian e ordena a armadura se destruir.

Na explosão a estrutura cai, Tony sobrevive mas pensamos que é um final triste é  quando vemos que Killian sobreviveu e não tem mais armaduras (próximas) para Tony usar. Nisso, surge Pepper, viva e super poderosa por culpa da fórmula Extremis. Só que as armaduras de Tony estão comandadas para atacar “todos os extremis com licença para matar” e atacam até Pepper, que consegue (não me pergunte como por que eu n sei) se defender, pegar um braço de armadura e usar o repulsor, jogar uma bomba em Killian e destruí-lo ao atirar na bomba. Pra mim que ele nem tinha morrido, mas pelo jeito morreu dessa vez (eles nem olham pra trás poxa).

Tony abraça Pepper que está abalada, mas bem, e resolve acabar com todas as Armaduras (whatahell???). Pepper e Tony se abraçam e as armaduras vão explodindo uma a uma. Happy (que passou o filme inteiro em coma) acorda. Tony “arruma” Pepper. Ajuda o moleque do Alabama. Denuncia o vice presidente por ser vilão e prendem o falso Mandarim (Ben Kingsley rules!).

O filme termina com Tony abandonando os destroços da mansão dele (com o robô que ele faz bulling em todos os filmes) e diz que ele é o Homem de Ferro. Aparentemente ele vai “consertar” coisas.

Na cena pós créditos, vemos que a história toda foi contada por Tony Stark para Bruce Banner (o Hulk) como se o último fosse um psicólogo. Bruce tinha dormido e Stark pergunta “que tipo de Doutor é você” no que Banner responde que de outra área, por que ele não tem a “temperança” de um psicólogo. Tony volta a contar da vida e Bruce dorme.

Depois faço a crítica real do filme.