Ciguatera – Manga Review

Ciguatera é a história de um jovem japonês que sofre de bullying e sonha em comprar uma moto, ainda mais importada (italiana Aprilia).

Eu trombei com essa série a muito tempo atrás e lá pela edição 3, não consegui acompanhar. Curti muito quão humano deixaram o personagem principal, suas dificuldades e sua vida. Em uma edição ele consegue uma namorada mais velha e acima do nível dele e ele passa muitos problemas (na cabeça dele) para continuar com ela. Me lembro de pensar nessa série e ter uma boa sensação, de bons tempos do passado. Uma daquelas séries que eu me perdi, mas gostaria de terminar.

Pois o tempo chegou. Consegui as 6 ultimas revistas e resolvi ler neste domingo. Tudo muito bonito muito legal…

As 3 ultimas edições são depressivas. Os problemas escalonam de um jeito… Seja o fato dele ter dormido com a namorada do cara que o torturava no colégio (enquanto o cara foi sequestrado e estava sendo torturado por um ex-amigo do amigo do personagem principal) na noite anterior à primeira vez que a namorada e eles fizeram sexo  (mas em defesa dele, ele ficou mto triste com tudo), ou os novos amigos que conseguiu (um que se apaixonou pela namorada dele, organizou para estuprá-la depois que a drogou… desistiu mas um amigo dele a estuprou sem ele saber) ou ele sendo sequestrado pela yakuza, elça sendo enganada por um chefe dela, transando com ele pra depois descobrir que ele era um ser humano despresível… tirou muito do brilho da série. Vários pontos soltos como o vizinho que quase matou a namorada dele (e depois se suicidou) deram aquele tom de “realidade” que era desnecessário. Mais pra frente ele começou a ficar cafajeste, histórias non-sense pra terminar com um capítulo “4 anos depois…” bem, foi um serviço porco.

Se você tiver oportunidade, leia as 3 primeira edições. Acima disso é muito triste comparado com o começo. O fim, foi bem feito em cima a hora. Acho que o mangaka (criador) ficou sem idéias e decidiu matar a série. E o fato dele batalhar tanto pra ficar com a namorada, e 2 anos depois mostrá-los separados e ele pensando “vc conseguiu” pra ela, já com outra, mesmo cara querendo comprar uma Aprilia, mas empregado e com outra namorada… terminando com ele dizendo as coisas que dizia pra outra.. foi tosco.

 

O desenhista manda muito bem, apesar das últimas edições ficarem meio estranhas. Mas não tem o crescimento demonstado em Angel Densetsu (uma das melhores histórias que li na vida, e que mostra claramente a melhora do desenhista).

Se puder leia metade de Ciguatera. Mais que isso é perda de tempo.

Anúncios