Revistas de 08/12/2010 – Segunda Leva

Detective Comics Comics

Fables 100

Acompanhei por muito tempo Fables e o desenhista é o mesmo cara. È uma “Liga dos Cavalheiros Extraordinários” com contos de fadas. Posso dizer que foi uma das melhores coisas que eu ja li, no começo. Hoje, continua a mesma coisa e tal. Entendo que uma história não pode se firmar em apenas felicidades  e amenidades. Mas cansa tantos problemas.

Os fábulas confrontam o tal mal que a muito ronda-os (até tiveram que fugir da cidade das fábulas em NY para a fazenda). Pois Frau Totenkinder finalmente mostra ao que veio, agora transmutada em Bellflower e bola uma batalha muito boa (ponto alto da história). Quando se tem a continuidade é que voltamos ao mesmo ponto batido da HQ, assumido até pelos personagens. Mas como a história é bem contada e desenhada dou um desconto. Nota 7

Doc Savage 09

Esse eu passei por cima mesmo. Primeiro por que eu peguei o bonde andando. Segundo por que a melhor homenagem ao Doc Savage (pra vc ver, a homengem foi melhor que isso)  foi em Planetary, antigamente a editora Wildstorm, hoje da DC.  Procurem pelo Doc Axel Brass. Farei um review da Planetary ainda esse ano. Mas essa revista deste mês é bem mediana. Claramente quiseram colocar o clima pulp do original, o que não posso dizer se foi um sucesso ou não, já que não curto esse estilo. E o desenhiosta parece o Sal Buscema em seu pior período. Nota 5 (pode ser que outros curtam. Eu não).

First Wave 05 of 06

Já essa revista é uma clara homenagem a heróis pulp, com Spirit, Doc Savage e Bat-man. Tentei ler as primeira edições e não me cativou. Essa edição me deu voltade de acompanhar. Como é uma mini, devo lê-la. Bem desenhada, personagens desenvolvidos… Nota 7.

Tiny Titans-Little Archie 03 (of 03)

Tá, eu entendo que são histórias infantis. Mas no começo era legal! Recheado de referências a HQs, chegou um momento que o humor no brainer superou a vontade de ler. È infantil no seu pior. Mas o desenhista manda bem. Nota 4.

Northlanders 035

Creio eu que são histórias sobre vikings. Tentei acompanhar, mas vikings por vikings, leio Thor.  Essa edição aparentemente é um novo arco, o que sempre te enche de curiosidade. Como é um arco de duas histórias lerei a próxima. O desenhista cai bem com desenhos rústicos devikings. Não posso falar que não fiquei curioso. Nota 6

Marvel Comics

Invaders Now 04 of 05

A capa é uma maravilha. Quem nos dera o artista de dentro ser tb. Muito inconsistente no final você pensa que o cara começou a desistir. Mas a história é meio boa, forçada sim, mas boa. Com aparições de cientistas da marvel, fora os invasores “originais” (o Union Jack é outro e o Visão está com visual antigo aparentemente), ate o Shuma Gorath que só aparecia em Conan (e no Marvel Super Heroes, fliperama da Capcom). È um curta, então devo ler, um dia. Nota 6

Thor The Mighty Avenger 007

Essa é uma revistas que eu ignoro por opção. Creio que seja apenas um chamariz pro vindouro filme do Thor, e normalmente esse tipo de revista é horrível. O desenhista é bom, nada excepcional, mas a história é muito fraca. Não é supresa que a revista foi cancelada (a última é a próxima edição). Nota 4

Widowmaker 001

Essa mini é no mínimo curiosa: Gavião Arqueiro e a “voltei dos mortos” Mockingbird, com o Doc Fortune, se unindo a Viúva Negra. Todos segunda-linha sem revista própria.

Bem desenhado, trama de espionagem.. quase prende a atenção e tal. Mas não é tão assim. O que me doeu os novos defensores da Rússia serem os Supremos Sovietes. Por outro lado, abre um mistério sobre a identidade do novo Ronin. Quem sabe eu leia mais. Nota 5

Shadowland After The Fall 01

Totalmente discartável. No começo edições que mostravam a visão de gente comum de eventos na marvel eram legais. Agora é só caça níquel. Eles querem te forçar a comprar para saber que: Pantera Negra é o novo herói na Cozinha do Diabo (bairro antigamente protegido pelo Demolidor – Matt Murdock) e que Matt está vivo, porém andando por aí. Outra que a história por trás de “Shadowland” (A saga que acabou de acabar, ruinzinha) não será contada as pessoas comuns (Matt estava posssuído, então viam ele como vilão. Como não vão divulgar que ele estava assim, todos que não estiveram lá pensarão que Matt era realmente mal). Desenhos regulares, sujos. Não vale a pena ler pra saber 3 pontos importantes. Nota 4

Thor 618

Bem, Thor nao é normalmente minha leitura favorita, aliás, nem aprte das comuns. Porém, esse começo de arco está bom. Temos uma guerra iminente, Balder rei de Asgard, Loki de volta… e a volta de Odin! Desenhos condizentes com a revista, mas mais limpa que Northlanders. Creio que lerei a próxima. Nota 6

Incredible Hulks 618

Novo arco também, logo após Bruce Banner perder seu segundo filho. O arco anterior estava bom, mas esse começou mais ou menos. Numa história interligada com a dos Vingadores,  a terra está literalmente um inferno. Aparece o Abominação (que estava morto) agora tabalhando pra um capeta aparentemente. Um dos tecnicamente amigo do hulk o trai. A galera está atrás de Marlo (ex namorada do hulk e esposa de Rick Jones, o Bomba-A) por que uma época eal foi a entidae cósmica “Morte”, e como ninguém morre na terra… Bem, é uma história bem introdutória e mediana. Pessoalmente estou cansado de tanto vermelho na revista do Hulk, mas fazer o que? Até bem desenhada, mas não boa. Nota 5.

Captain America & the Korvac Saga 01 (of 04)

Li em 2 minutos. Revista sem pé nem cabeça, não afiliada ao univeros comum da marvel (616). Desenhos ruinzinhos, história pior. Nota 3

What If – Wolverine Father

What Ifs antigamente valiam alguma coisa. Nessa basicamente negam que o Daken (filho do Wolverine) foi criado para odiar o pai, pelo cara que orquestrou a vida inteira do Wolverine. Nessa história,  Wolverine cria o filho que depois se rebela odiando o pai e se nomeia Daken. No fim Wolvie mata o filho.  Podem ignorar a revista, na boa. Tem uma história what if venom, deadpool no fim, que supõe-se foi feita ara ter graça. Mas não tem. Nota 1

Chaos War – Ares

Dispensável. Conta o que acontece com Ares, deus da guerra depois de ser morto pelo Sentinela. Agora, no meio da saga “Guerra do Caos” que nem tem feeling de saga, heróis e deuses se unem contra o deus do caos japonês. Acho que é essa saga que tranformou a terra do hulk no inferno, mas deixou todos os outros heróis de boa. Nota 3

New Avengers 007

Olha, melhor revista do mês. A dinâmica interna do grupo é muito boa, os desenhos condizentes, diálogo bem concatenado… Sem um soco e ainda assim curti horrores. Citações marveis em todo lugar, aranha sendo o clássico aranha, vingadores, a procura por uma babá… e Wong sendo um babaca!!! Que mais você quer? Nota 9

Anúncios